Pesquisar este blog

4 de abril de 2012

Saber


Saber vem do latim sapere, ter gosto e, originalmente, seu significado estava ligado ao paladar. O significado do saber se ampliou e já não basta apenas o paladar para se saber sobre as ciências, as emoções e a vida. É preciso colocar-se por inteiro na busca do saber, de corpo e alma.

O saber é o sal do espírito, o gozo da alma, a consciência que o homem tem do mundo que o cerca e das diversas teorias criadas para explicar os mistérios que nos envolvem. O saber é a luz que nos permite enxergar a estrada. O homem cria o saber, e este transforma o homem, propondo-lhe novos desafios.

Em sua vida, você tem duas escolhas com relação ao saber. A primeira é apaixonar-se por ele, ser capaz de conviver com suas dúvidas pessoais e fazer sempre mais perguntas. Se for essa sua escolha, você viverá as alegrias e os conflitos da eterna busca, mas será um ser com luz própria, capaz de mostrar novos caminhos. Sua segunda escolha é ter uma fraca relação com algum saber. Nesse caso, você deverá se conformar em caminhar sem rumo ou seguir a trilha que alguém, eventualmente, lhe indicar. Em uma nação onde todos cultivam o saber, não existe pobreza. O saber leva ao progresso, à paz e à felicidade.

Fonte: Editora Positivo

Nenhum comentário:

Postar um comentário